Ciro e Neto apresentam projeto para o setor de TI em reunião com empresários

Ciro Gomes (PDT) se reuniu com representantes de associações e empresas do setor de tecnologia da informação. Durante o encontro, empresários pediram investimentos em educação na área de TI, segurança jurídica para grandes e pequenas empresas na proteção de dados, o desenvolvimento de redes para combater crimes cibernéticos e crédito para compra de equipamentos e novos aparatos tecnológicos. disse neste domingo (18), em evento de campanha no comitê central do partido, que pretende investir 3% do PIB (Produto Interno Bruto) em ciência e tecnologia, caso seja eleito. O pedetista disse, em coletiva de imprensa, que planeja estabelecer uma revolução educacional em que o uso de ferramentas digitais deve ser priorizado.

Conheça nosso projeito para Tecnologia e Inovação

“Nós temos também o projeto Internet do Povo, que vai financiar smartphone em 36 vezes sem juros, curso de capacitação em informática, games e fazer com que nós possamos, no Brasil, ter Wi-Fi gratuito em banda larga em áreas comunitárias”, afirmou.

Os participantes da reunião também defenderam uma melhor comunicação entre o Estado e o cidadão, a desoneração da folha de pagamento, além da revisão de normas trabalhistas e a necessidade de uma reforma tributária e outra administrativa.

Antonio Neto que é analista de sistemas e administrador, ajudou a fundar o sindicato dos profissionais de TI de São Paulo, também apresentou suas propostas aos empresários, com destaque especial na re-qualificação de profissionais fora do mercado trabalho com cursos de pequena duração para que atuem em empresas do setor de TI e supram um déficit que pode chegar à 800 mil vagas em 2025.

“Vivemos hoje uma conjuntura global, onde sem o profissional e as empresas do setor de TI teremos paralisação completa das atividades. Mas quando olhamos nosso cenário nacional, esse mesmo setor que já representa 7.9%* do PIB e que mais cresce na economia, segue sem regulamentação adequada e vê investimentos públicos pífios na capacitação profissional e Pesquisa & Desenvolvimento. O local para fazer essas mudanças acontecerem é no Congresso.” afirmou Antonio Neto

Competitividade entre bancos

Durante a reunião, Ciro Gomes foi questionado se autorizaria a entrada de novos bancos no Brasil. Um dos objetivos da medida seria incentivar a competitividade entre as instituições financeiras.

O candidato defendeu o investimento em fintechs e afirmou que, apesar de ter simpatia pela proposta e estar tentado a permitir o ingresso, essa não seria sua “primeira providência”.

Em seu plano de governo, o pedetista defende tornar a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil mais competitivos, ao baratear a taxa de juros e tarifas das instituições.

Com informações de CNN

RECEBA NOVIDADES

Acompanhe tudo o que está acontecendo nas redes do Antonio Neto e receba, em primeira mão, informações atualizadas. Cadastre-se!

      SIGA-ME

      160k 
      32.7k 
      23.8k 
      12.2k 
      11.3k 
      1k 
      X